No Imaginário da Intolerância: da inquisição ao ensino (não)religioso

R$46,00

A história tem-se enriquecido desde meados do século passado ao se deter nas fontes inquisitórias. Eixo central do conhecimento do homem e da vida – do individual e do coletivo – a história vem sendo revisitada privilegiando-se da derrubada das fronteiras disciplinares. Impõe-se. Por decorrência, a revista do Tribunal da Fé perseguindo-se novas abordagens e novos métodos. Nesse sentido, este livro, do historiador Carlos André Cavalcanti, é da maior importância, alinhando-se na renovação historiográfica do Santo Ofício, usando atalhos antropológicos para ampliar o conhecimento da Inquisição aplicando na análise dos documentos a teoria durandiana do imaginário.